Democracia Directa – Visão Cristã

Segundo a graça de Deus que me foi dada, eu, como sábio arquitecto, assentei o alicerce, mas outro edifica sobre ele. Mas veja cada um como edifica, pois ninguém pode pôr um alicerce diferente do que já foi posto: Jesus Cristo. (ICoríntios 3, 10-11)

Visões cristãs da democracia directa. (3)


Acção social ou acção política? O que eu defendo é que até as autarquias sejam políticas, exerçam a política contra o poder dos ricos, contra o poder dos poderosos; exerçam acção política, serviço político, mais do que acção social. Exerçam, promovam e exerçam, pratiquem acção política na defesa das pessoas e das populações mais fragilizadas, menos escolarizadas, menos desenvolvidas.
Promovam politicamente as populações, para que elas organizadas, associadas, implementem e criem os serviços sociais que forem achados necessários em cada terra concreta. Quer isto dizer que o protagonismo há-de ser sempre das populações, não das autarquias, não do poder político, não dos partidos políticos, [mas] das populações, das pessoas, dos povos.
Só em último recurso e como papel supletivo é que as autarquias, por exemplo, que são as que estão mais próximas das populações locais, podem e devem entrar pelo social e gerir instituições nesta área, mas de modo transitório até que as populações cresçam – e o grande investimento há-de ser sempre feito no fazer crescer de forma maiêutica as populações -, elas cresçam de dentro para fora e estejam em condições a ser elas a fazer essas acções sociais, de estarem à frente, de gerirem os seus próprios destinos.
Portanto, em vez de acção social tem que se fazer acção política com as populações. É o que eu peço, inclusivamente aos partidos políticos, mas eles não me ouvem. E, não me ouvem pela simples razão de que quando se organizaram, já se organizaram a pensar, a sonhar na conquista do poder.
Eles querem o poder, querem ser eles a gerir, a ter os destinos dos povos nas suas mãos, em vez de serem os povos a terem os destinos nas suas próprias mãos.
E, quando se promove a acção política, então, até o poder diminui para que as pessoas, os povos cresçam.

Anúncios

Filed under: acção, cristianismo, política, , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Janeiro 2010
D S T Q Q S S
« Dez   Fev »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Livros

Clique para descarregar

Clique para descarregar (NOVO)

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

clique para descarregar

clique para descarregar

Outros livros

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar

Clique para descarregar (NOVO)

%d bloggers like this: